Home / PUBLICIDADE E PROPAGANDA / COMO PREPARAR IMAGENS PARA A WEB: A imagem e sua relação com a performace dos websites

COMO PREPARAR IMAGENS PARA A WEB: A imagem e sua relação com a performace dos websites

Phoshop: ferramenta para edição de imagens

As imagens estão diretamente relacionadas com a duração do carregamento de um web site, e por isso devem ser adequadamente trabalhadas.
Quando falamos de imagens digitais na Web, deslumbrarmos diversos formatos, no entanto os mais usados são  o GIF, o JPG.

O GIF é limitado a 256 cores, são melhores para exibir imagens com grandes blocos sólidos de cor e imagens com dimensões físicas muito pequenas.  O formato GIF produzirá tamanhos menores de arquivo, comparativamente ao formato JPEG para imagens com estas características.
Um número maior de cores era imitado pelo processo de “dithering”, criado para enganar o olho humano.

O JPEG é um formato que pode utilizar milhões de cores. Muito utilizado para reproduzir fotografias, bem como qualquer imagem que possua gradação de tons. Viabiliza tamanhos menores de arquivo para estes tipos de imagens.

Existem 3 princípios básicos:

01 –  Utilizar as menores dimensões de imagem em seu layout de trabalho, pois quanto menor a quantidade de imagens em uma página, menor será a quantidade de pixels e, conseqüentemente, menor o timing de carregamento da mesma página.

02 – Escolher o formato adequado para a imagem que for utilizada.

03 – Encontrar o nível de qualidade da imagem aceitável. A maioria das imagens pode aceitar alguma compressão com uma perda pequena de qualidade, e todas as imagens podem perder qualidade e ainda serem aceitas.

antesedepois.jpg

Todo trabalho consiste em se decidir quanta perda de qualidade pode ser aceita. Quanto menor a qualidade, menor o tamanho de arquivo.

Para a efetivação dos princípios utilizamos processos de compressão por meio da redução da codificação de arquivos de imagem. Tanto as imagens GIF como JPEG podem ser comprimidas, mas sob diferentes processos. Nos arquivos GIF, deve-se tentar limitar o número de cores. Nos arquivos JPEG, o processo é realizado por um software que analisa as proximidades dos pixels e faz o calculo para a eliminação das cores. Sempre que comprimimos um arquivo, a imagem perde qualidade. Portanto, deve-se buscar o equilíbrio entre o tamanho do arquivo e a qualidade da respectiva imagem.

A página de rápido carregamento é a que não tem imagens, em contra partida, a mais vagarosa estará recheada de imagens com resolução máxima. Se você buscar o controle de qualidade de suas imagens com base nos princípios, conseguira uma página WEB adequada aos requisitos de carregamento e disponibilização da informação frente as necessidades dos usuários e sites de busca.

Nos projetos web há uma tendência em projetar o design para o formato padrão de tela 4:3 e ou wideScreen 16:9. A resolução da tela é dada pela quantidade de pontos, por isso, temos nos monitores atuais uma área visível inicial de 1024 por 768 pixels.

antesedepois2.jpg

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

This blog is kept spam free by WP-SpamFree.