Home / MODA / O conceito de beleza em uma perspectiva de identificação com as formas de cognição humana. O que este conceito sugere para nossas diversas formas de expressão?

O conceito de beleza em uma perspectiva de identificação com as formas de cognição humana. O que este conceito sugere para nossas diversas formas de expressão?

Segundo Kathia Castilho (2004), nas diversas culturas,criam-se verdadeiras instituições que assumem o papel de arquidestinador de comportamentos,ideologias,gostos,estilos de vida,leis de interação,etc. Ao ser exposto um sujeito, quer por um texto verbal,oral ou escrito,quer por uma gestualidade,quer por uma combinatória vestimentar, pode-se apreender,pelos modos de sua manifestação,a quais movimentos discursivos ele se filia. Em suas maneiras de ser e estar no mundo, concretizam-se fragmentos das instituições que regem seu fazer. E esses mesmos  fragmentos possibilitam entrever os limites da aparente liberdade sob a qual ele se constrói.

A Moda, a Comunicação Social (Publicidade e Propaganda)sem dúvida, são parte deste grupo de instituições que percebem o indivíduo nas suas concepções e cognições com o mundo e o inserem em um sistema de interações culturalmente padronizadas, em um sistema de símbolos, valores e formas – uma rede relacionamentos, ou seja, uma sociedade. Por tanto, o ser humano como indivíduo interage como o mundo concebendo modelos e formas que passam a fazer parte de sua identificação . Um dos conceitos relevantes para este entendimento é o conceito de “beleza”. O que é ‘beleza”? Como este conceito se relaciona com as formas de expressão e identificação de cada um de nós?

 A ciência nos revela que o ser humano possui uma qualidade inata de entender as relações entre as formas (simetria) e gerar a partir desta relação um modelo de ordem – um padrão. Com isso, projetamos nossa imagem naquilo que construímos, obviamente porque isso faz parte de nossa identificação, assim construímos a arte,a arquitetura, o design, o texto, a imagem – A beleza torna-se a propriedade pela qual percebemos o universo.

Aquilo que admiramos nos outros nos esforçamos para ter em nós mesmos. A procura pela beleza é a procura por saúde e juventude. A beleza faz muita diferença, nós não gostamos dessa ideia por que a beleza tem constantemente sido associada a bondade e o feio ao vilão horroroso, mas a beleza não serve para medir o caráter de ninguém, é apenas uma das muitas características que nos ajudam no jogo da vida.

A ciência descobriu que a elegância da matemática é essencial para a beleza da natureza.

“Clifford Pickover – A matemática é o tear no qual Deus criou o tecido do universo. Nós somos como um viajante numa floresta, ou alguém procurando ouro numa mina. Estamos sempre encontrando coisas que já existiam independentemente de nós. acredito que a matemática pode ser usada para descrever muito do mundo em que vivemos”.

Conhecer os requisitos básicos que estimulam os modelos identificatórios da beleza é acima de tudo, buscar uma forma de comunicação e expressão que se identifica e seduz a muitos. – Isto pode lhe dar vantagem competitiva.

:: >>>Sobre o autor:

Mauricio Valentini é professor universitário e analista de mídias sociais na Unifran.Contatosvalentini@idsocial.com.br ou mauriciovalentini@yahoo.com.br .
Portfóliohttp://valentini.idsocial.com.br .
Sites: http://www.idsocial.com.br ou http://www.facebook.com/idsocial

103 comments

  1. Faz parte do ser humano buscar a perfeição, uma vez que ele é o único ser racional existente no universo e, somente com a capacidade de sempre melhorar. A questão da pefeição e beleza, portanto estão ligadas diretamente com a sociedade. Para nos sentirmos inseridos em um certo grupo, tribo, ou ideologia, buscamos seguir certos padrões, que nada mais são que a busca pela perfeição ou seja a beleza.

  2. A beleza faz parte da vida do ser humano. Mesmo que alguém negue e diga que não liga para determinadas coisas sempre há um padrão de vida que se segue. Todos nós somos domesticados e temos um padrão de vida e de beleza. Temos caracteristicas únicas, mas também temos algumas que são “cópias” daquilo que consideramos belo nas outras pessoas. A moda é um exemplo do padrão “perfeito” que procuramos para nossa vida e tentamos igualar, principalmente as mulheres que sempre querem o perfume, a maquiagem, o vestido que é lançamento do mês. Nunca está bom, para ficarmos belas precisamos daquilo que está no auge da moda.
    A realidade é que nunca estamos satisfeitos com aquilo que temos, pois sempre queremos mais e mais, e estar entre os “tops” é questão de honra para muitos.

  3. O conceito de belo é construído junto a identidade das pessoas através do meio em que elas se inserem. As instituições são responsáveis por formar pensamentos tanto individuais quanto coletivos e isso faz com que muitas vezes os ideais de beleza cheguem a se convergir.

  4. Cada indíviduo enxerga a beleza de uma forma bem particular. o que pode ser bonito para mim pode não o ser para o próximo. É uma questão relativa, somos desde crianças moldados para beleza como algo simétrico. Criamos valores e preconceitos sobre esse conceito, porque cada um possui uma identificação e gera uma visibilidade de diferentes ângulos sobre as pessoas e as coisas no mundo.
    É a luta de cada um de nós por um lugar ao sol, ou seja, inconscientemente tentamos e escolhemos a qual grupo devemos pertencer para sermos aceitos e isso envolve o belo, o social. Quem consegue estar em um grupo considerado de alta sociedade tem mais chances na vida do que outro em uma comunidade por exemplo de uma cidade pequena, etc. Aprendemos que isso é necessário para o alcance da felicidade e esquecemos que quanto mais tecnológico ficamos, menos felicidade alcançamos, porque as pessoas dão valor a coisas fúteis e esquecem de olhar para si mesmos, buscando beleza nos outros.

  5. Beleza: processo mental relacionado à percepção de elementos que agradam de forma singular aquele que a experimenta, suas formas são inúmeras.
    Comprovada pela ciência que conhecemos formas (simetrias) e partir dessas criamos um padrão de beleza e a partir desse padrão enxergamos o universo.
    Hoje utilizamos comumente como sinônimo de bondade, porém não mede o caráter de ninguém. Não é nada mais que uma característica que nos ajuda a definir do que gostamos.
    De acordo com a simetria distinguida como beleza pelas pessoas, elas são inseridas em sociedades por meio da moda e da comunicação social já que criamos uma identidade a partir do nosso jeito de se comunicar (oralmente ou verbalmente), pela maneira que gesticulamos durante a comunicação e pela nossa vestimenta.

  6. O conceito de beleza, o que este sugere para nossas diversas formas de expressão?
    Podemos dizer que tudo gira em torno da beleza. Não apenas beleza física, mas a estética e suas formas. O ser humano como indivíduo interage com um mundo concebido por modelos e formas padronizadas. Porém cada um ao por seus olhos em uma pessoa, uma obra de arte, uma construção, uma paisagem, enxerga um ponto diferente dos demais. Cada um tem sua atenção despertada de uma forma, assim o contexto de beleza se torna cada vez mais amplo, já que cada um vai constituindo seus próprios critérios de avaliação.

  7. Dia desses eu li “Everithing is beautiful, but beautiful isn’t everithing”. Genial! tudo é belo (beleza) mas beleza ( o belo) não é tudo! Gosto muito destas interposições, despertam o pensamento e a curiosidade. Olho para alguns carros da decada de 90 e os acho feios. Por quê? Porque hoje, a ampla divulgação de linhas diferentes de design me acostumaram ao atual, enquanto o antigo fica “feio”. É o meu desespero pelo novo. Posto que o que classifico como feio hoje é apenas “feio” se colocado em uma base de comparação. Fosse novo, raramente feio seria. Lembro da propaganda do primeiro Ford Ka. Era o carro ao lado de dinossauros na pagina da revista. O texto não me lembro bem, mas era algo caracterizando os concorrentes como no mínimo passíveis de extinção. Mas eu tenho salvação: ainda sinto o coração disparar quando vejo um muscle car americano, um mustang driftando numa esquina do filme “Guerra dos Mundos”. Ainda espero ver esta cena do ponto de vista do Tom Cruise.

  8. Incrivelmente a sociedade em que vivemos hoje juga ou alguem tem seus valores contados a partir do conceito através da sua beleza.O que deixa o problema ainda mais ironicamente louco! é o fato de que se voçe defende a causa deste modelo voçe esta dentro da panela e tera sua vida instavel.Saber tirar vantagens positivas e fazer avaliaçoes deste conceito é o que resta para ser diferente dos demais.

  9. A procura da beleza, influenciada muita das vezes pela mídia, por apresentar um padrão a ser seguido pela sociedade (uma das motivadoras para a busca desenfreada pela beleza devido à tentativa de tentar de igualar as grandes celebridades). A indústria da moda, um dos mercados mais competitivos se tratando de beleza, cobrava corpos anoréxicos que até pouco tempo também era um perfil de beleza, após a morte de modelos e também garotas que tentavam acompanhar essa busca incessante pelo “padrão de beleza ideal”, hoje se coloca a saúde em primeiro lugar. A beleza torna se hoje um modo de identificação cultural e também de inserção na sociedade.

  10. A beleza não esta só na simetria de um rosto ou corpo, é lógico que se uma pessoa tem um rosto mais simétrico ela chama mais atenção, pois é mais agradavél de se olhar, mas muitas pessoas, que por serem legais, simpáticas se tornam belas pelo seu jeito de ser.

  11. Beleza hoje em dia é fundamental, mente quem diz não ser, as pessoas procuram pela saúde e pela juventude eterna, não alcançando, ocorrendo assim o frustramento, buscando por um grupo, uma ideologia , ajuda a identificar um estilo, um padrão de beleza, a estética e a aparência conta muito , no jeito de se vestir, agir e falar, já sugere muito a respeito da identidade e da beleza da pessoa, nos dias atuais a posição desejada na sociedade esta acirrada, e geralmente são melhores aceito aqueles que tem uma melhor aparência, uma sutileza, algo diferente a oferecer, seja por uma atitude ou um gesto.

  12. Marina Maria Soares Pontin - 2º ano Ed, Artística

    Concordo em partes com o texto.
    Acredito também que a beleza seja algo expressado através da matemática: as formas simétricas, a proporção, as linhas áureas, ajudam na nossa percepção do belo.
    Porém, o belo também esta na cor, na textura, no sombreado, no conceito e não apenas na forma. Dessa forma, também encontramos beleza no que superficialmente vemos como o caos, o desfigurado, o feio, o grotesco. Basta olhar mais uma vez, refletir e contemplar.
    A beleza, para mim, também não está só no olhar. Acredito que tudo o que agrada e instiga os sentidos é belo. Mais uma vez, aqui entra a questão da textura; a gastronomia; a música, etc.
    Por fim, concordo que podem haver instituições e modismos que ditam padrões, criam categorias e identidades de beleza. Porém, não podemos excluir o papel do indivíduo: nem sempre a cultura oficial e dominante homogeniza as pessoas – se isto acontecesse de fato nunca teríamos espaço para criação do novo.

  13. Letícia Ortega Teixeira

    O conceito do belo faz parte do dia-a-dia de todo ser humano, mesmo que alguns neguem, sempre há um padrão inserido em um ambiente, conceitos e um padrão que é seguido. Não falo só de beleza física, mas de harmonia e estética. Individualmente falando, beleza é algo bem relativo, pois cada um tem uma percepção distinta do que lhe agrada. De acordo com os critérios de cada pessoa, os conceitos de beleza são perceptíveis na sociedade através, não só da moda, mas também da comunicação. É o jeito particular que cada pessoa tem de se comunicar, gesticular e se vestir.

  14. Mesmo q muita gente fala que o padrão de beleza não tem nenhum valor, ou que linão liga pra determinadas coisas sempre há um padrão de vida que se segue .
    A beleza se faz presente nos olhos de quem vê na vida de um ser humano. O conceito de belo é construído junto com a identidade das pessoas, ou melhor falando cada individuo vê ou ou seja enxerga a beleza de uma maneira.
    O mundo gira em torno da beleza não apenas beleza física mais estética e suas formas. O contexto de beleza se torna cada vez mais amplo devido gostos, e até mesmo sua forma de percepção de avaliação.

  15. Falar de beleza na sociedade atual, conota à aceitação própria. O homem se percebe de modo como a sociedade o percebe.
    A cada diferença que o indivíduo tem da sociedade, perde um pouco sua identidade cultural.

  16. Beleza é muito mais individual e cultural do que conceitual, não há como definir o que é belo, o que dá é para avaliar determinadas coisas de acordo com o contexto sócio cultural o que possibilita determinar o que agrada ou não agrada determinado grupo.

  17. Cada pessoa tem uma maneira de enxergara beleza.O que é bonito para um, pode não ser belo para outro. Desde sempre, somos moldados para admirar tudo o que é simétrico.Esse é um dos motivos pelo qual estamos sempre atentos para os grupos pelo qual não queremos deixar de pertencer.Hoje em dia a beleza se resume na estética onde mulheres e homens correm numa busca sem fim para a perfeição.Mas o que é a perfeição?? Em minha sincera opnião, beleza é estar bem consigo mesmo seguindo os seus próprios padrões de beleza, seja exótico, simples ou sofisticado.

  18. “A beleza torna-se a propriedade pela qual percebemos o universo.” Beleza está relacionado a alguma forma na busca da perfeição, do que nos agrada, do que vemos como simetria ou daquilo que temos como padrão de beleza. O que representa beleza para uma pessoa, pode não representar para outra.

  19. A beleza esta nos olhos de quem vê,infelizmente mutias pessoas julga alguns valores e opiniões baseado na beleza de um ser,na maioria dos casos isso não pode ser levando em conta apenas beleza exterior mais sim todos os valores bem vistos que essa pessoa passa de dentro pra foram,o belo as vezes pode ta no modo de olhar ou de sentir ou ate mesmo na convivência com o passar dos tempos.

  20. Num primeiro momento a beleza/aparência é importante sim.Mas se essa idéia e tendencia fosse tão errada assim não haveria adeptos.Ninguém compra uma roupa se a acha feia e assim por diante.

  21. O que podemos dizer do conceito beleza ?
    Beleza e tudo que se relaciona ao ” belo ” podemos ver beleza de diversas maneiras,e cada pessoa tem sua beleza e seu jeito de ser e assim diferentes padrões se modifica conforme a evolução da sociedade.
    A beleza se torna cada vez mais importante assim também no meio de comunicação com a sociedade e pessoas que não esta no padrão ” beleza ” e julgada socialmente e assim criado um padrão dentro da sociedade,sendo em vista diversas formas que chamam a atenção e assim a comunicação se tornou cada vez mais essencial entra mídias sociais.

  22. Vivemos a ditadura da beleza,principalmente a beleza física, por ser vista de longe ela é a mais valorizada, mas não a mais importante.A beleza esta ligada a comunicação e a forma de expressão de um indivíduo. Por isso, por mais que o ser humano nao tente relacionar a beleza com a bondade e o feio ao vilão, nunca será possível enxergar outras qualidades a primeira vista, assim a beleza física vai sempre continuar sendo buscada antes de outras qualidades que valorisam o ser humano.

  23. A Beleza em si , tem grande importância dentro do mundo , não só entre as pessoas, mais sim em outras coisas , cada coisa , cada um , cada lugar tem sua beleza,seu lado onde muitos olham e sente aquilo belo, então beleza vem de cada pessoas , onde que pra muitos pode ser feio , pra outros é belo , é algo que não se explica.
    Contudo , o texto demonstrar claramente o que seria a beleza, que hoje não está mais ligada ao feio, mais sim a tudo que vemos, a tudo que o ser humano visualizar ao seu olhar.

  24. Sim, beleza é simetria.
    Buscamos no outro algo que não temos, para nos sentir completo, e quando fazemos isso o que queremos? A simetria, o equilibrio a harmônia.
    Por que achamos uma composição de uma música tão bela? Porque ela nos passa uma harmonia, a sensação de simetria é tão grande que ficamos envolventes.
    Mas é claro, nem sempre essa afirmação é exata, a beleza também está nas coisas exóticas, nas coisas desarmonicas, na falta do equilibrio, no diferente, naquilo que também chama atenção no que não é smetrico.

  25. Tatieli barbosa Francisco

    Os cursos descritos acima, têem essa particularidade, de descobrir nas pessoas as sua buscas, a sua ideologia, seus conceitos, a partir de gestos, ou roupas.Mas nota-se também que a humanidade em geral, possui uma busca pela beleza,como forma de suprir seu interior,e tornando-se igual ou semelante ao outro admirável, quando somos seres individuais, e deveríamos nos valorizar por meio disso.

  26. Kelly cristina tramontina

    Na minha opinião, hoje em dia o que manda é a beleza, não adianta falarmos que beleza não é fundamental que estaremos enganando a nós mesmo, a sociedade estabeleceu um ponto de beleza que todos querem seguir um mesmo padrão, mas cada um tem sua beleza, não adianta eu querer ser magérrima se meu biótipo é outro, as pessoas podem ser lindas por dentro , ser a mais educada, q todos gostem , mas se ela não tiver sua beleza definida, os comentários vem mesmo , ai super gente boa mas e gorda ou é feia.. e ninguém quer ver o feio e sim o belo , o iluminado , tudo que faça bem pra alma, pro ego e principalmente pros olhos.
    A BELEZA esta presente em tudo ao nosso redor, é ela quem comanda tudo em nossas vidas, vai me dizer que quando alguém vai comprar algo vai querer o feio??/ vai pelo belo , o que mais lhe agradou , o que fez bem pros olhos dela.. esta e minha opinião.

  27. Particularmente, acho que o texto pode ter algumas coisas sim haver, mas vejo que cada pessoa tem uma forma de ver a beleza, o q pode ser belo p mim pode não ser para você…
    E a verdadeira beleza vemos com os olhos da alma e do coração.

  28. A ditadura da beleza leva as pessoas há viver sempre em busca do belo se internar em academias de ginástica e buscar todas as cirurgias plásticas existentes.Um padrão de beleza imposto pela mídia. Poucas sabem, no entanto, que o corpo ideal pode não estar no silicone ou no botox, mas sim na mente. Depende da forma como você se vê.

  29. Fernanda Neves Monteiro

    De acordo com o dicionário Magno Beleza é uma qualidade que agrada aos sentidos, coisa muito bonita ou muito agradável, que cativa o espírito e pode ser também considerada uma bondade ou/e excelência.Percebe-se que segundo a definição do dicionário aborda tanto o aspecto físico quanto o aspecto emotivo, portanto pode-se considerar a beleza como forma de identidade e de conhecimento das nossas próprias expressões que as definem, com isso chega-se ao que foi citado no texto acima a beleza torna-se a propriedade pela qual percebe o universo, o wqual estamos inseridos identificando, conhecendo e reconhecendo a cada memento em cada descoberta.

  30. A beleza ela muito se confude nesse tempo moderno, pelo fato de que as pessoas hoje estão se valorizando a beleza, ou seja somente o artifial que passa e não dura para sempre porque será sempre uma vaidade, se valoriza a beleza masnão se valoriza o caráter.isso sim é ridiculo.

  31. Mudam-se os olhares, mudam-se os prismas, cada individuo em particular tem seu conceito de beleza, ela teve lugar de destaque na filosofia e na evoluçao do pensamento historico equanto da noçao de arte.
    Este tema é pertinente e nos leva a perguntar-mos se o belo está na coisa ou no sujeito que o contempla?
    Sendo assim, nosso pensamento torna-se sobre tal pergunta não consiste em responder o que venha a ser a beleza, na verdade ela é mais uma pergunta do que uma resposta, cada individuo tem seu conceito de beleza influenciado pelo meio, tanto interno quanto externo, tecnologico ou não.
    Tudo do acumulo de informaçoes que o individuo tem atribuido de conhecimento, talvez aquilo que não seja belo, torna-se belo pela maneira que me leva a pensar e refletir, desta forma o conceito de beleza vai tomando nova forma e nova posiçao, não é somente a beleza fisica e estética, mas a beleza conceitual de admiraçao por algo diferente ao aparente. Deus é bonum, verum, pulchurm, porém até mesmo a imagem que fazemos de Deus é uma imagem de beleza idealizada, uma beleza metafisica cuja qual almejamos possuir, talvez no caos haja beleza, talvez a beleza esteja escondida na falta de simetria. Talvez só conseguimos enchergar a beleza pois existe algo imperfeito e por causa da falta de simetria, talvez, só talvez a beleza não exista!!!
    Mas não discordo que somos levados pela ditadura criada de beleza estetica, com toda certeza não nadamos contra a maré, somos empurrados com ela e nos acustumamos a não olhar as coisas de maneira mais criteriosa.
    Enfim, o homem no mundo hodierno vive de coisas comparativeis, ele necessita de simetria, necessita de algo que supoe ser ideal e correto, ele idealiza tudo isso para fugir do próprio caos tentando achar uma ordem onde na verdade não existe,”tudo flui, tudo muda”, nada neste mundo é igual e pensar nesta falta de simetria e ordem é dizer que em nada há uma ordem !

  32. Não podemos negar que a beleza é importante para a vida de cada um, se a pessoa se acha bonita, ela se sente bem e vive melhor. Geralmente, essa beleza é obtida a partir da sua visão da sociedade, do que está na moda, do que todos estão usando, e assim, a pessoa se esforça para atingir essa admiração que ela vê nos outros, para ser vista da mesma forma.

  33. Dayana Evellyn Banharelli - 2º ano Artes Plásticas

    A beleza é algo que sempre chamou a atenção do ser humano, e por assim ser, as maiorias das pessoas instigam em adquirir o “padrão” de beleza que a sociedade impõe, estimulando por vezes somente o físico, como se o mesmo substituísse o caráter do individuo. Podemos encontrar a beleza nas formas simétricas, nas proporcionalidades, nas linhas, na fotografia, na música e vários outros aspectos que tem influencia do belo, porém, olhando a beleza de uma forma mais ampla, a mesma pode ter vários significados, várias formas, principalmente formas de olhares, pois o que considero belo, para uma outra pessoa pode não ser belo. Concordo plenamente com este trecho do texto: “a beleza não serve para medir o caráter de ninguém, é apenas uma das muitas características que nos ajudam no jogo da vida.”

  34. Lorraine Caroline Graciano 2º Ano Ed. Artistica

    Em minha opinião Deus fez a Terra e todas as cousas de forma maravilhosamente divina.Tudo no mundo de certo modo possui uma proporcionalidade que o pode tornar belo ou feio nos olhos de quem vê. Acredito que de certo modo nossos olhos sempre vão ser chamados atenção para aquilo que possui uma simetria que agrade nosso olhar. Porque tudo a nossa volta tem esse conceito. Mas ao dizer que algo é belo ou feio depende muito também da cultura e dos costumes de um determinado povo em uma determinada época. Há muito tempo atrás o ideal de beleza, por exemplo, das mulheres, era por aquelas digamos mais “cheinhas”, ou seja, para eles esse era um tipo perfeito de mulher, pois isso está encaixado com a cultura em que viviam.
    Acho que a beleza é algo muito particular de quem vê, eu posso achar um quadro ou uma escultura bela, por vivências ou referências, outra pessoa pode achar as mesmas obras horríveis sem sentido algum. Para mim cada pessoa tem um ideal de beleza, mas com uma junção com o espaço cultural em que vive.

  35. Vinicius do Couto Rosa

    A beleza é sim uma característica que nos da uma vantagem em algumas ocasiões, porem existem varias formas de beleza. Não acredito que a beleza esteja presente apenas na moda, no jeito como se veste ou interage. A beleza esta associada as coisas boas, então, qualquer ato que contenha boas intenções, podemos dizer que se enquadra no padrão de beleza. Mas o texto se prende mais a beleza estética, e neste ponto ela pode abrir muitas portas se você souber passar o que deseja. Se você conseguir passar uma imagem bonita, a sociedade já te enquadra num padrão de beleza superior e com isso, sua mensagem pode ser recebida de uma forma melhor.

  36. acho que a Beleza esta em todos os lugares talvez nao seja um rosto bonito ou apresentavel que faz a beleza. A beleza esta nos olhos de quem ve, a “Monalisa” por exemplo posso achar ela de uma beleza sem igual mas para outro talvez ela seja a coisa mais feia;”Romeu e Julieta pode ser uma das historias mais lindas e apaixonante porem para alguns pode ser uma coisa melosa e distante da realidade.
    o que quero dizer é que por mais que a sociedade, a televisao esteja impondo um “conceito de beleza” cada um tem o seu próprio modo de ver e sentir essa “tal beleza”.

  37. Para não nos perdermos em contextos culturais, vamos tratar a beleza por “harmonia das formas” ou “simetria”, simplificando assim, podemos ter uma idéia de como procuramos a beleza em tudo que vemos, tentamos estabelecer no caos do mundo a nossa volta a harmonia entre tudo aquilo que vemos, pessoas, paisagens, objetos, textos, diálogos, músicas e etc, assim sendo toda aquela pessoa que possui ou entende como essa simetria funciona, sem dúvida tem uma vatagem competitiva em qualquer campo ao qual pertença.

  38. A beleza está nos olhos de quem a vê, nem a ciência explica porque cada pessoa gosta de uma determinada coisa, o que nos faz gostar de um rosto e não do outro.
    Podemos dizer que a beleza universal existe em um padrão que é apreciado pela maioria das pessoas.
    Esses padrões de beleza estão em constante mudança.
    A beleza é uma característica, não serve para avaliar o caráter da pessoa.
    Enfim, a beleza é habilidade, atitude, harmonia, comportamento, simetria, ordem, formas, cores, música, versos, tudo o que nos faz sentir bem aos olhos à mente.

  39. o problema é que em diversas culturas ,criam-se verdadeiras instituições que assumem o papel de arquidestinador de comportamentos,ideologias,gostos,estilos de vida,leis de interação.As pessoas por não se conhecerem não conseguem se desvencilharem e analisarem a forma como essa indústria age na população, ditando o certo e o errado, manipulando idéias através do domínio da linguagem e do que essa possibilita para nós, usado para fins políticos tanto quanto para a formação de heróis e demônios, através desta própria facilidade da linguagem e do decorrente avanço da tecnologia.O conceito de beleza é buscado na posse de materiais e objetos usando de técnicas e formas vão cumprindo seu papel fundamental no capitalismo, afunilando gostos e gerando modelos incapazes de dar um direcionamento nos atos e atitudes, pois a base que era Deus foi carregada e continua sendo pelos interesses pessoais, sendo assim não existe evolução ou melhora, apenas formas trabalhadas na própria dificuldade dos indivíduos pertencentes a sociedade.
    como oferecer uma base solida e um alvo elevado se esta própria indústria age pelos interesses políticos e esta intimamente relacionada ao mundo econômico, possuindo modelos para inserção econômica e ajudando a manter as estruturas no lugar, manipulando sempre para que não haja questionamento das pessoas que por sua vez não buscam domar suas más tendências e inclinações, assim a cultura virou mercado e neste estagio não existe espaço para o desenvolvimento das potencias que trazemos para serem despertadas, pois os conhecimentos externos são apenas despertadores para o interior e a massificação atende a todos, trabalhando na dificuldade do ser humano em encarar a razão, pois com isso tudo o ser humano perde a subjetividade pois as coisas nos são impostas em um eterno repetir

  40. Todos nós enxergamos a beleza de cada um, o que o ser humano mostra de si mesmo. Temos várias culturas diversas que criam papeis diferentes, como seu comportamento, idéias, gostos, estilos de vida, etc. A moda faz muita parte desse grupo da beleza, pois é uma forma de olhar, perceber o próximo. Os seres humanos tem uma qualidade de entender as formas e criar um padrão e com isso criamos nossa imagem naquilo que construímos, que fará parte da arte, arquitetura, design, textos, e imagem. E podemos dizer que tudo gira em torno da beleza, temos uma padronagem, que os seres humanos mesmo fez, para o que é beleza, beleza em todos os sentidos. Cada um com seu modo de visão, mais sempre com esse padrão.

  41. Bom,bonito talvez lindo, maravilhozo sim sao adjetivos que todos nos buscamos porem isso varia de pessoa para pessoa de grupo para gupo o qe é lindo para voce pode nao ser para mim mais no fim todos estao proucurando a beleza da aceitação.

  42. O conceito de beleza se dá pelo meio que o homem vive.
    Desde o inicio da humanidade esse conceito vem mudando graduativamente.
    Vemos e vivemos diversos conceitos,pois a ditadura da beleza sempre procura por simbolos e a midia nos demonstra isso diariamente.
    O conceito natural da beleza depende totalmente do individuo, pois só tem o poder da escolha.

  43. Mateus Del Bianco Cheade

    Nos tempos modernos de hoje, podemos dizer que a “Beleza” é primordial, é o que identifica uma pessoa é a expressão da comunicação. Tudo está relacionado à beleza, não podemos ser hipócritas em dizer que beleza não difere ninguém, a beleza que vale é a do interior, podemos sim, tomar esses detalhes como ponto de partida, mas no mundo subdesenvolvido que vivemos, ela interfere em muitas decisões, como numa oportunidade de emprego, como numa paquera e até mesmo nos pré-julgamentos que fazemos das pessoas. É muito delicado falar de beleza, onde temos um mundo em que se divide entre aparências e defeitos.

  44. Tulio Vinicius C. Alves

    O ser humano formalizou um padrão de beleza, onde quem esta fora não se inclui no mundo de hoje em dia, corpos definidos e roupas de marca tranformou o ser humano em uma maquina consumista que busca a perfeição se sujeitando a varios procedimentos em busca da beleza, cirurgias e tratamentos de diferentes formas passa a ser essencial para chegar a sua perfeição para enquadrar na beleza que se é determinada nos padrões atuais.

  45. Sempre procuramos a beleza, seja em outras pessoas ou até mesmos em objetos, como por exemplo um carro novo ou um celular, é nesse ponto que a comunicação social (Publicidade e Propaganda), faz um bom uso da beleza pois ela traz a beleza até nós, ela nos faz desejar cretos tipos de coisas. Procuramos também essa beleza em nós mesmos, entrando em acadamias, roupas de marca, maquiagem e perfumes; queremos ser o belo e mostra-lo para os outros e essa é uma ação que todo o ser humano faz.

  46. Antonio Henrique Candido Alves

    A beleza é subjetiva, varia de pessoa para pessoa, nem tudo que é belo para uma é belo para outra, mesmo com toda influência midiatica tentando padronizar as definições de beleza. Como o velho ditado que diz “A beleza está nos olhos de quem vê”

  47. o padrão “beleza” nos dias de hoje realmente é um termo que muitos buscam para se sentirem melhor a cada dia,a beleza realmente é um item muito importante na nossa sociedade,pois a partir dela surgem novos padrões estéticos onde podemos ir aprimorando cada vez mais.A indústria da beleza vem sempre promovendo novidades para o mercado que fazem você sempre querer aquilo novo que é lançado para você sempre estar se sentindo melhor com você mesmo,pois se existe alguém próximo que tem um novo item que faz ele se sentir melhor,com certeza seu interesse por esse mesmo objeto vai se aguçar e você vai querer correr atrás daquilo,para mostrar que não está atrás dele nos padrões atuais de beleza.

  48. Elizeo de Oliveira Borges

    A beleza está relacionada com o prazer de se sentir bem, por exemplo: aos olhos de um príncipe apaixonado sua amada é a mais bela princesa entre todas, podemos enxergar isto em qualquer conto de fadas, porém isto também é real e visto em nossa sociedade entre diversos casais, o texto sugere que estabelecemos relações de formas simétricas e projetamos um formato de beleza em nossa mente, sendo assim cada um possui olhares, formas, gostos e jeitos diferentes em relação a beleza que cada um possui, seja ela física, mental, social ou até mesmo amorosa.
    Ser bonito não depende de um concurso regional ou de um elogio de pedreiros em cima de uma obra, para ser bonito (a), o único quesito que importa é se sentir bem e fazer com que as pessoas também se sintam bem!

  49. ANA TAVEIRA 2º Artes

    A beleza também pode estar relacionada com o raro, o que é bonito muitas vezes está sempre presente aos nossos olhos, enquanto o raro, por estar mais distante talvez, muitas vezes associamos maior beleza.

    Porém, ao mesmo tempo, acredito que o ser humano gosta do que esta acostumado a ver, como um bebê que quando vê algo diferente se espanta…

  50. Devido ao fato de fazermos parte de uma cultura, carregamos alguns conceitos que contribuem fundamentalmente em nossos pensamentos e ações. Nesse mesmo pensamento, pode ser citada a beleza, que frequentemente procuramos e desejamos ter por perto. Com base na nossa cultura, temos uma concepção de o que é belo e o que não é, sempre levando em consideração patamares que temos para distinguir o bonito do feio.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

This blog is kept spam free by WP-SpamFree.